Bottas consegue a pole com novo recorde de Interlagos; Massa larga em 9º

Já o brasileiro Felipe Massa conseguiu o 10º melhor desempenho da sessão (mas larga em 9º em razão de uma punição a Daniel Ricciardo, da Red Bull).

Foto: Nelson Antoine/AP


Com novo recorde da pista de Interlagos (tempos em treino), o finlandês Valtteri Bottas assegurou neste sábado a pole position para o Grande Prêmio do Brasil, em São Paulo. O piloto da Mercedes ainda contou com o acidente do companheiro de equipe Lewis Hamilton logo no início da sessão de classificação, facilitando a missão de largar na ponta. A seguir no grid aparecerão Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen, da Ferrari. Já o brasileiro Felipe Massa conseguiu o 10º melhor desempenho da sessão (mas larga em 9º em razão de uma punição a Daniel Ricciardo, da Red Bull). 

 

Durante a terceira e final parte do treino, Bottas estabeleceu o novo recorde da história do circuito de Interlagos, com o tempo de 1:08.322s. Antes disso, Hamilton, outro favorito do treino, deixou a disputa logo nos primeiros minutos.  

 

Bottas travou uma disputa equilibrada com o alemão Sebastian Vettel do começo ao fim, se alternando com o adversário na liderança dos melhores tempos. No fim do Q3, mesmo com o começo da chuva em Interlagos, o finlandês conseguiu superar o rival da Ferrari – ambos disputam no final de temporada o segundo lugar do Mundial de pilotos (Vettel tem 277 pontos, contra 262 de Bottas). 

 

"Me sinto bem. Foi tão perto de Seb (Vettel) durante a classificação. É uma pena que Lewis saiu, mas estou feliz de poder ter feito um bom trabalho para a equipe", declarou Bottas após a conquista da pole position em São Paulo.

 

"Evitar erros será crucial amanhã, assim como uma boa largada. Estou ansioso para isso", acrescentou o piloto finlandês da Mercedes. 

 

Em sua última corrida no Brasil antes da despedida na Fórmula 1, Felipe Massa conseguiu alcançar a parte final da sessão classificatória deste sábado e vai largar na 9ª posição. O representante da casa teve o 10º melhor desempenho, mas foi beneficiado por uma punição que Ricciardo terá que pagar em razão da troca de motores na etapa anterior. Já o seu companheiro de equipe, Lance Stroll, teve problemas nos minutos iniciais e ficou com apenas o 18º tempo. 

 

Lewis Hamilton deixa prática logo no começo

 

Campeão da temporada 2017 da Fórmula 1 de forma antecipada, o britânico Lewis Hamilton bateu logo no primeiro minuto do treino de classificação para o Grande Prêmio do Brasil, neste sábado, no circuito de Interlagos. Hamilton perdeu o controle de sua Mercedes, saindo de traseira na curva Laranjinha. O piloto então colidiu com uma proteção de pneus e teve o carro danificado.

 

Esta foi a primeira vez que Hamilton deixou um treino de classificação na primeira parte (Q1) em 27 Grandes Prêmios - a última vez havia sido na etapa de 2016 da Bélgica. 

 

"Não era o que eu esperava. A vida é feita de desafios, e o que faz a vida interessante são os desafios", declarou Hamilton à TV Globo após deixar o treino.

 

A largada para o GP do Brasil acontece às 14h deste domingo (horário de Brasília), e a corrida terá acompanhamento em tempo real pelo Placar UOL. 

 

Confira os tempos*:

 

1 Valtteri Bottas MERCEDES 1:08.322 

2 Sebastian Vettel FERRARI 1:08.360 

3 Kimi Räikkönen FERRARI 1:08.538 

4 Max Verstappen RED BULL RACING TAG HEUER 1:08.925 

5 Daniel Ricciardo RED BULL RACING TAG HEUER 1:09.330 

6 Sergio Perez FORCE INDIA MERCEDES 1:09.598 

7 Fernando Alonso MCLAREN HONDA 1:09.593  

8 Nico Hulkenberg RENAULT 1:09.703 

9 Carlos Sainz RENAULT 1:09.768  

10 Felipe Massa WILLIAMS MERCEDES 1:09.612  

11 Esteban Ocon FORCE INDIA MERCEDES 1:09.830  

12 Romain Grosjean HAAS FERRARI 1:09.879  

13 Stoffel Vandoorne MCLAREN HONDA 1:10.116  

14 Kevin Magnussen HAAS FERRARI 1:10.154  

15 Brendon Hartley TORO ROSSO 1:10.625   

16 Pascal Wehrlein SAUBER FERRARI 1:10.678   

17 Pierre Gasly TORO ROSSO 1:10.686   

18 Lance Stroll WILLIAMS MERCEDES 1:10.776   

19 Marcus Ericsson SAUBER FERRARI 1:10.875   

NC Lewis Hamilton MERCEDES (sem voltas)   

 

*melhores voltas de cada piloto, independente da fase do treino

 

Integrantes da Mercedes sofrem assalto em Interlagos

 

Uma van com mecânicos da equipe Mercedes da Fórmula 1 foi alvo de um assalto à mão armada na saída do circuito de Interlagos por volta das 20h de sexta-feira. O motorista foi rendido. Os bandidos ordenaram que a porta traseira fosse aberta. Em seguida, os indivíduos subtraíram os pertences dos funcionários da escuderia alemã. Foram levados pertences pessoais – os equipamentos da equipe ficam retidos no autódromo.

 

Em sua conta nas redes sociais, o piloto Lewis Hamilton relatou que os membros da escuderia ficaram bastante abalados. O campeão da temporada ainda ofereceu mais detalhes sobre o episódio. Hamilton contou que os assaltantes apontaram a arma para a cabeça de funcionários da Mercedes.

 

"Alguns membros da minha equipe foram mantidos sob ameaça na noite de sexta quando deixavam Interlagos. Armas de fogo foram disparadas, com armas apontadas para cabeça. Isso é tão perturbador de ouvir. Por favor, vamos rezar para meus companheiros que estão aqui. Eles estão abalados", comentou Hamilton.

 

"Isso tem acontecido todo ano aqui. Fórmula 1 e os times precisam fazer algo a mais. Não há mais desculpas!", acrescentou o piloto britânico.