Flagrado em baile funk, Tonzão anuncia fim da carreira no gospel e esposa pede orações

Por Edilane Almeida com Gospel Mais 08/01/2018 - 12:33 hs
Foto: Divulgação


O cantor Tonzão Chagas anunciou o fim de sua carreira na música gospel e também sua relação com a igreja em que é membro, após ter sido flagrado em um baile funk no Rio de Janeiro. O vídeo circulou nas redes sociais e motivou sua esposa, Cibere Almeida, a emitir uma nota oficial explicando as dificuldades que atravessam e pedindo orações.

 

Tonzão se converteu ao Evangelho há sete anos, quando liderava o grupo Hawaianos e estava no auge da fama entre os frequentadores de bailes funk no Rio de Janeiro. Na ocasião, passou a frequentar a Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD), liderada pelo pastor Marcos Pereira, e formou um grupo chamado Tonzão e os Adudianos.

 

Agora, sua esposa esclarece que o marido nunca foi verdadeiramente liberto do funk e o flagra no vídeo só expôs um problema com o qual já conviviam: “Cansado de tudo, meu esposo acabou largando o grupo no auge da carreira e, também, na época que mais ganhou dinheiro na vida […] Ele estava com o coração aberto para Cristo e dali ele poderia fazer e queria fazer o que fosse preciso para Deus […] Irmãos, meu esposo nunca devia ter cantado funk sem de fato ter sido liberto dele”, desabafou.

 

De acordo com informações do portal Pleno News, Tonzão compareceu a um programa de rádio no dia 02 de janeiro, cantou algumas de suas antigas músicas, anunciou que havia deixado a igreja e aproveitou para comentar a repercussão do vídeo em que foi flagrado no baile funk.

 

“Eu fui curtir o baile, senti vontade e sou livre, pago as minhas contas e honro a minha casa. Eu não estava tendo mais prazer na igreja, agora estou analisando os caminhos para 2018”, disse o cantor.

 

Dificuldades


A esposa de Tonzão diz, na nota, que as coisas não chegaram ao ponto em que estão de uma hora para outra, e que ao longo dos últimos doze meses viveu momentos de intensa dificuldades: “O que o meu marido vive hoje é resultado de uma semente que foi plantada lá atrás, mas não foi regada e adubada da forma correta!”, afirmou.

 

“Ele lutou e tentou desde o final de 2016 para cá, ele tentou tudo da forma dele, e o que aconteceu hoje foi permissão de Deus para algo muito maior! […] Mas prefiro, hoje, ele dessa forma, do que ver ele como estava há um ano!”, acrescentou.

 

Tonzão e Cibere têm três filhos: Lucas, Mateus e Natan. Na nota, a esposa do cantor pede que os mais de 800 mil seguidores de seu marido nas redes sociais respeitem o momento e a família, e informa que Tonzão voltou ao início e vai participar dos cultos para ouvir.

 

“Peço que tenham respeito pela minha família; temos filhos que são bênçãos de Deus, eu vivo milagres todos os dias e ver meu marido restaurado e alicerçado na verdade será mais um deles!”, frisou.

 

Assista ao vídeo em que Tonzão é flagrado no baile funk (contém termos chulos e palavrões):

 

 

Confira a nota de Cibere Almeida na íntegra:

 

Queridos irmãos, debaixo de muito temor e também com a autorização do meu esposo, vim aqui tentar, de certa forma, esclarecer o acontecido. Mas vou começar desde o princípio para que os irmãos entendam. Eu e meu esposo trabalhávamos com funk, ambos nos mais renomados grupos do Brasil, na época! (Hawaianos e Gaiola) o que fazia também que fôssemos os mais bem pagos na época. Cansado de tudo, meu esposo acabou largando o grupo no auge da carreira e, também, na época que mais ganhou dinheiro na vida. Ele saiu da nossa casa para separação de corpos já que não éramos casados de verdade; éramos noivos e morávamos juntos já a alguns anos. Ele largou negócios e também tudo que poderia atrapalhar. Ele estava com o coração aberto para Cristo e dali ele poderia fazer e queria fazer o que fosse preciso para Deus.


Só que algo aconteceu, irmãos e quero que entendam que não estou culpando ninguém, porque damos hoje o que recebemos ontem; passamos hoje o que nós aprendemos. Irmãos, meu esposo NUNCA devia ter cantado funk sem de fato ter sido LIBERTO DELE. Só que foi uma forma que o direcionaram a fazer, e assim ele o fez. Irmãos, ele sempre foi fiel aos seus líderes em tudo. E continuo dizendo que todos fazem o seu melhor, errando ou não, eu creio que a intenção foi a melhor. Mas, ele não podia! Ele foi direto para a obra para curar, para pregar. Mas ele mesmo não estava curado, nem discipulado. Logo ele já era sucesso e digo que ganhar dinheiro nunca foi a intenção dele no meio gospel.


Logo após minha conversão, mais ou menos 5 meses após a conversão dele. Eu continuei sem fazer nada no meio. Percebi algumas coisas e temi muito que esse dia chegasse. Mas ele fazia as coisas amando fazer… ele cuidava de pessoas amando cuidar, quem conhece de perto sabe o coração que ele tem. Mas ele precisava ser cuidado e acompanhado mais do que os que ele cuidou. Não existiu ninguém que o pudesse ajudar a ponto de dizer que ele deveria parar. Até porque ele sempre foi uma bênção!!! Quem iria imaginar que ele ainda não estava liberto???


Mais ou menos no meio do ano de 2016 nós dois estávamos muito bem, com uma vida estável e normal, indo para os cultos, cumprindo nossas responsabilidades em casa. Eu me sentia muito vazia, pensava: “será que é isso mesmo??? Será que o evangelho é isso???”. Irmãos, comecei a orar e pedi muito a Jesus que me mostrasse a sua verdade, pois no pouco que eu lia da Bíblia achava tudo muito diferente do que eu via e vivia. Irmãos, após pouco tempo dessas orações muitas coisas aconteceram, me vi desesperada! Sem esperança! Afinal, estava tudo muito estranho. E eu sem nenhum aprendizado de como ser uma esposa segundo a palavra de Deus, me achava sábia sendo uma fariseia, rixosa e irritadiça!!!


Irmãos, eu aprendi a verdade de Jesus nos piores momentos da minha vida e da vida do meu marido. Acho que chorei em 1 ano mais do que em toda minha vida! E ainda pela vontade de Deus engravidei do Natan debaixo de guerra, tomando remédios, mas foi Deus que me deu ele para que eu permanecesse no mesmo propósito! Irmãos, nada disso que está acontecendo hoje foi de um dia para o outro. O que o meu marido vive hoje é resultado de uma semente que foi plantada lá atrás, mas não foi regada e adubada da forma correta! Hoje ele tem consciência disso!


Ele lutou e tentou desde o final de 2016 para cá, ele tentou tudo da forma dele, e o que aconteceu hoje foi permissão de Deus para algo muito maior! Estou triste hoje, perplexa. Mas prefiro, hoje, ele dessa forma, do que ver ele como estava há 1 ano! Mas ninguém percebeu!!! Ele tentou e quem é próximo sabe disso. Então peço que tenham respeito pela minha família; temos filhos que são bênçãos de Deus, eu vivo milagres todos os dias e ver meu marido restaurado e alicerçado na verdade será mais um deles! Irmãos, quando Jesus liberta de verdade, Ele liberta mesmo!!! E eu hoje não acredito que alguém largue a Cristo por causa de problemas no evangelho. Tem sim muitos problemas, precisamos de uma reforma urgente!!! Precisamos que os evangélicos se tornem Cristãos! O nosso exemplo a ser seguido é o de Cristo e não o de homens (Mateus 11:29).


E em tudo isso eu comecei a entender e aprender o que é de fato ser uma seguidora e discípula de Cristo… Desde a oração em 2016 até aqui tenho aprendido a verdade que pedi. E creio que existam vários Tonzão dentro das igrejas, que estão ali no meio, mas que de fato nunca foram curados, nem começaram ainda o processo de cura, porque quem devia curá-los também não é curado e assim vira uma bola de neve! (Orem e peçam a Jesus que lhes mostre a sua verdade e não só leiam a Bíblia, mas estudem ela e pesquisem sobre os princípios). Aquele que está de pé cuide para que não caia! Estamos todos sujeitos a errar e seremos aperfeiçoados até a vinda de Cristo!!!


Gostaria também de informar que meu esposo agora sentará na igreja para ouvir, ele agora está no início novamente. Ele está hoje como estava antes. E precisa passar o que Deus tiver para ele para que ele aprenda como Deus o quer. Também gostaria de dizer que ele não está feliz, mas preferiu largar de vez do que continuar tentando. Peço que orem pela minha vida e pela minha casa. Porém digo que Deus está no controle de tudo e Ele já havia revelado tudo isso. Como disse antes, nada disso foi de um dia para o outro. Peço perdão aos que se sentiram ofendidos. Eu não abro mão do meu marido, porque hoje eu aprendi que devo amar e respeitar ele, pois essa foi uma promessa que fiz diante de Deus e para Deus.


Também aprendi com Cristo que não devo resistir ao mal sozinha, e eu estava resistindo com minhas próprias mãos todo esse ano de 2017 para que isso não acontecesse, tanto eu quanto os próximos a nós. Mas devemos confiar somente em Deus e deixar que Ele faça e guerreie as nossas guerras.


CRISTO ESTÁ VIVO E TEM PODER PARA CURAR SALVAR E LIBERTAR! Não sei quanto isso vai durar, mas sei que vai passar e o nome de Deus será glorificado.


A paz de Deus a todos!